lgo hiléia alta [135]
Pesquisar
Close this search box.
Férias escolares

Férias escolares: dicas para a alimentação da criançada

Dicas
8 de janeiro de 2024

A verdade é que manter a boa alimentação da criançada durante as férias escolares não é tarefa simples. Mas a boa notícia é que o desafio pode ser superado. Como? A partir de dicas que entretêm os pequenos e, ao mesmo tempo, garantem a qualidade das refeições.

É isso que vamos contar neste conteúdo! Ainda que esses dias sejam atípicos para as crianças que costumam ir à escola, dá para flexibilizar sem complicar. 

Uma dieta rica em nutrientes saudáveis é importante para evitar os efeitos nocivos na saúde dos pequenos. Por isso, conheça mais dicas!

Dicas para a alimentação da criançada nas férias escolares

Dicas para alimentação das crianças

A alimentação da criançada é o tipo de ação que deixa muitos adultos com o cabelo em pé. Inclusive, durante as férias escolares. Se é o seu caso, continue lendo, porque temos dicas que fazem muito sentido nessa hora. Veja como tornar esse momento ainda mais gostoso.

Lembre-se dos horários das refeições

Na escola, as crianças criam o hábito de comerem sempre no mesmo horário. Além disso, essa é uma atitude muito recomendada pelos profissionais da saúde e da educação. Durante as férias, geralmente, essa rotina é alterada.

Por isso, sempre que possível, mantenha os horários porque isso afeta também no tipo e quantidade de alimentos que serão consumidos pelos pequenos. Dessa forma, é possível equilibrar a alimentação infantil durante o período de férias.

Um detalhe que importa muito: refeições em família são muito positivas. Vários estudos já comprovaram a importância dos pais sobre o hábito alimentar na infância. Um deles foi publicado na Revista Conhecer e pontua vários conceitos teóricos acerca do tema.

Aprenda receitas novas no YouTube

Dependendo da idade, as crianças assistem vídeos no YouTube. Se for o caso, uma boa ideia é usar essa ferramenta digital para buscar ingredientes e receitas com foco nesse público. Assim, permite-se introduzir os alimentos mais saudáveis na dieta de modo natural.

Há vários canais educativos, e com bom humor, que auxiliam a criação de pratos unindo laços entre adultos e os pequenos. Um deles é o canal da Gabi Rossi. Outro é apresentado por uma criança, o que deixa tudo ainda melhor: “A Fantástica Cozinha da Clara”.

Os vídeos, inclusive, podem ser importantes na hora de minimizar a seletividade alimentar. Ou seja, “quando a criança come apenas alimentos vistos como aceitáveis ou seguros, sem que tenha experimentado aqueles vistos com aversão”, como está no Educa Mais Brasil.

Use os livros para incentivar a imaginação

Ainda que o cenário esteja mudando, os livros ainda são vistos como “tarefas” pela maioria das crianças. Portanto, aqui vem uma ideia para mudar essa cultura. Eles também podem ser interessantes para viajar nas histórias e, inclusive, falar de comida nas férias escolares.

A USP (Universidade de São Paulo) tem uma lista com 7 indicações de obras literárias focadas em sustentabilidade e alimentação para crianças. Entre eles, “Bibi come de tudo”, de Alejandro Rosas, sobre a seletividade alimentar infantil.

Incentive-os a colocar a mão na massa

Cozinha é lugar de criança, sim – desde que acompanhados de perto pelos adultos. Sabia que o contato direto com os ingredientes auxilia os pequenos a gostarem mais dos pratos? Além disso, é uma atividade que pode aguçar o interesse pela culinária e entreter.

Temos um blog com 3 receitas para fazer com as crianças. Entre elas, pizzinha de Cream Craker, lámen colorido e torta de máscara negra. Essa última é feita com os biscoitos Kicks e não leva mais do que alguns minutos para ficar pronta. Sem falar nos deliciosos bolos.

Foque no consumo de bons alimentos

As frutas, as verduras e os legumes não podem faltar no cardápio na alimentação da criançada. São necessários para garantir o crescimento ósseo, a regularidade intestinal, entre tantos outros benefícios. Uma boa ideia nessa hora é investir na criatividade.

No caso de frutos, por exemplo, podem ser descascados e picados. Ou dá para fazer espetinhos com eles. Para investir em uma refeição mais completa, a sugestão é acrescentar iogurte ou leite. No calor, os picolés de frutas são ótimas alternativas.

Disponibilize água fresca durante o dia todo

A água é um elemento essencial na dieta dos seres humanos. O consumo costuma ser acentuado durante os períodos de calor intenso. Porém, em outras estações também se faz necessário para garantir vários efeitos positivos para o nosso organismo.

Nesse caso, a dica é: tenha sempre água à disposição e incentive o consumo. Uma das melhores formas de fazer isso é dando o exemplo. Ou seja, falar para a criança beber pode gerar um bom resultado. Mas dar o exemplo e fazer isso com ela, com certeza, é transformador.

Prepare-se com os lanches rápidos

As férias escolares costumam passar bem rápido – tanto para as crianças quanto para quem está na presença delas. Por isso, ainda que preparar as próprias refeições seja uma ótima ideia, isso nem sempre será possível.

Sabe o que fazer nesses momentos? Se você tem lanches rápidos, práticos e saborosos em casa, vai tirar de letra. Afinal, são alternativas com gostinho de família e dá para dividir com todos. Por exemplo, wafersalgadinhosrosquinhascream cracker.

Leve a alimentação para fora de casa

Essa também é uma situação oportuna para visitar parques, praças e outros espaços ao ar livre. Nada como o contato com a natureza, não é mesmo? Então, estenda uma toalha no gramado e abra a cesta de alimentos. Piquenique: é disso que as crianças gostam!

Além de estimular o contato com paisagens, pessoas e pets, a ideia também é interessante para quebrar a rotina. Os lanchinhos rápidos, que vimos acima, são altamente indicados para esses passeios. Afinal, depois de muito brincar, vai dar fome, pode apostar.

O ser humano tem uma relação direta entre o ato de comer e as relações sociais. A afirmação é de um estudo divulgado no 1º Seminário Luso-Brasileiro de Educação Inclusiva. E isso quer dizer que comer com outros amiguinhos incentiva encontros e trocas.

Hiléia e você na alimentação da criançada nas férias escolares

Na nossa revista online, você encontra muitas informações relevantes, com dicas sobre a alimentação da criançada durante as férias escolares. E se não nos conhece ainda, aqui vai uma breve apresentação.

Temos mais de 50 anos de tradição e mais de 50 produtos no mercado alimentício. Em maio de 1964 iniciamos nossa jornada com uma fábrica de biscoitos e macarrão. Hoje, também temos a categoria de aperitivos, como os lanches rápidos que vimos acima.

Para acompanhar mais da nossa história e publicações, acesse nossa revista.

Clique e acesse o catálogo da Hiléia!