lgo hiléia alta [135]
Pesquisar
Close this search box.
Dia mundial do macarrão

Dia mundial do macarrão: confira um pouco sobre esse tradicional alimento

Macarrão
25 de outubro de 2023

O macarrão é uma boa ideia para toda receita de família. No Brasil, um prato típico para o almoço de domingo. E também para os dias mais corridos. Assim como para acompanhar um filme e tantos outros momentos. Mas, sabia que existe um dia mundial do macarrão?

A partir do próximo tópico, vamos contar um pouco mais dessa história e, inclusive, desmistificar alguns fatos. Até porque esse alimento rico em carboidrato é de interesse de toda população brasileira, como diz uma pesquisa do setor. Os dados completos, você também acompanha a seguir!

O dia mundial do macarrão

Dia mundial do macarrão no Brasil

O dia mundial do macarrão é comemorado em 25 de outubro, aqui no Brasil e outros países. A festividade existe desde 1995 quando, em Roma (Itália), o mundo começou a celebrar o “International Pasta Day” durante o Congresso Mundial da Pasta.

Por aqui, a Abimapi (Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias, Pães e Bolos) traz dados relevantes. 

No final do ano passado, fez uma pesquisa que indicou que o macarrão está presente na mesa do brasileiro, em mais de 99,5% dos lares.

A origem do macarrão não tem data certa. Alguns historiadores arriscam períodos, porém não há nenhum momento cravado com certeza. A maioria das culturas acredita que o macarrão é italiano – e há quem diga que ele é de origem chinesa, ou até mesmo mitológica.

Inclusive, com menção ao explorador Marco Polo, que teria trazido a massa da China por volta de 1.200. De todo modo, os italianos acabam sendo reconhecidos pelo fato de terem sido os maiores difusores e consumidores do alimento. E quanto a isso não se tem dúvidas!

O fato é que temos hoje um alimento que mistura farinha com água. A partir disso, existem os acréscimos, novos ingredientes e variações de quantidades. 

Conforme a International Pasta Organisation, são mais de 600 variações de macarrão disponíveis.

Com relação ao macarrão instantâneo, o lámen, a história é menos confusa. O seu criador é o Momofuku Ando, de Taiwan, e a descoberta foi em 1958, a partir dos efeitos da Segunda Guerra Mundial. O inventor do miojo, como conhecemos, é o fundador da Nissin Foods.

Em 1970, Ando começou a exportar para os Estados Unidos e, assim, o Chichen Ramen se tornou famoso no mundo inteiro. Em 1971, Ando criou também o Cup Noodle. Contamos mais dessa história em outro texto, esse aqui.

Os tipos de macarrões

Tipos de macarrões

O macarrão é dividido em duas categorias: massas longas e massas curtas. As que são maiores, costumam ter entre 20 e 30 centímetros de comprimento e textura fina, como o spaghetti. Já as massas curtas são mais grossas e menores, como penne e parafuso.

Para os chefes de cozinha, ou para quem não abre mão da praticidade do macarrão, é interessante notar que para cada tipo existe uma ideia de preparo e molho. E, na verdade, não há regras: o segredo está em adicionar e criar pratos que tenham a ver com o seu paladar.

Há quem goste mais dos molhos encorpados e cremosos. Nestes casos, o uso de queijos, manteigas e creme de leite se faz interessante. Por outro lado, o molho vermelho, mais tradicional, é sucesso em toda parte do mundo. Como a bolonhesa, carbonara e o sugo.

Qual seu macarrão preferido?

A Abimapi, mencionada antes, com a Nielsen, fez uma pesquisa que indicou os tipos preferidos dos brasileiros. O resultado tem relação com as massas: instantâneas, frescas e com ovos. E os motivos têm a ver com o custo-benefício, que envolve o preço e a qualidade.

Do mesmo modo que o macarrão tradicional, o instantâneo também permite uma grande personalização no preparo. Inclusive, com um ranking dos melhores molhos para usar, tais quais: tonkotsu, tsukemen, vegetariano, frango e lombo.

As receitas com macarrão

Receitas com macarrão

O alimento é de fácil preparo e permite uma grande variedade de personalização, ou seja, pode originar um prato a gosto do freguês. Os molhos são grandes atrativos nessa hora. Mas, também é possível acrescentar temperos, legumes e proteínas que agregam valor na refeição.

Há quem diga que quanto mais molho, melhor. Outros preferem a massa cozida sem muito acréscimo. O segredo é a adequação. Até porque os tipos de macarrão que existem também entram no jogo: do parafuso ao penne, tem para todo gosto e ocasião.

O macarrão, que vem de séculos, trouxe consigo a possibilidade de servir a todos. Inclusive aqueles que possuem intolerância a determinados tipos de ingredientes. Hoje, podemos encontrar o macarrão de farinha integral, de grãos, de arroz, de sêmola e muito mais.

Na Revista Hiléia, você encontra várias receitas, das tradicionais às mais sofisticadas:

Se você é do tipo de pessoa que vê uma cena de filme e fica morrendo de vontade de experimentar a receita, temos uma boa notícia.

Na nossa revista, já ensinamos como fazer 3 pratos típicos de filme: spaghetti com almôndegas (A Dama e o Vagabundo), spaghetti al Pomodoro (Comer, Rezar e Amar) e spaghetti al pesto (Luca). E você pode usar outras massas para esses molhos também.

O macarrão engorda?

O macarrão engorda?
macarrao engorda

Antes de terminar, também é legal trazer um dos principais mitos do macarrão. Ao longo das décadas, se criou a ideia de que o macarrão engorda, o que não é verdade. Para se ter ideia, considere: 100 gramas de pasta cozida equivalem a 1 banana média em carboidratos.

Inclusive, muitos esportistas profissionais (como o Eliud Kipchoge) têm o macarrão como principal alimento. O que é comum em refeições que antecedem suas atividades mais intensas, como no jantar do dia anterior a uma corrida de longa distância.

O Hypeness detalhou um estudo do Hospital St. Michael, de Toronto (Canadá). E mostrou que o macarrão pode ajudar no processo de emagrecimento. “O macarrão faz parte do time dos carboidratos bons, que possuem baixo índice glicêmico e saciam por mais tempo”.

Então, o macarrão não é um alimento que engorda. Porém, há ressalvas. Por ser de fácil preparo e permitir o acréscimo de molhos e outros ingredientes, ele pode se tornar mais calórico. Assim, se consumido em abundância, pode ter esse efeito do “engordar”.

O segredo é ter uma dieta balanceada e com autocontrole durante as refeições. Inclusive, se você não resiste a um macarrão ao molho gorgonzola ou a carbonara com bacon, por exemplo; temos uma dica. Divida a receita em porções e coma em refeições diferentes.

Na hora do preparo, se tiver dúvidas sobre como calcular a quantidade de macarrão, lembre-se dessa referência: 100 gramas por pessoa. A partir dela, indicada para massas longas, é possível cozinhar o tanto ideal para uma refeição.

Conheça os tipos de macarrões da Hiléia

Tipos de macarrões da Hiléia

Temos outro conteúdo de blog que explica e detalha um pouco mais sobre as variações dos tipos de macarrões produzidos pela Hiléia. Lá, eles estão categorizados entre as massas curtas e longas, além dos instantâneos (lámens). Aproveite o dia mundial do macarrão e leia agora