lgo hiléia alta [135]
Pesquisar
Close this search box.
comida asiatica como fazer um lamen perfeito

Comida asiática: como fazer um lámen perfeito

Macarrão instantâneo
3 de novembro de 2021

Se você é fã de comida asiática, temos uma notícia boa: nesse conteúdo vamos ensinar a preparar o lámen perfeito! A receita é deliciosa e viciante.

Um dos maiores segredos para preparar o lámen perfeito, originário da comida asiática, é ter um rigoroso processo na hora de escolher a qualidade dos ingredientes que você vai utilizar.

Porém, não é só isso. Conheça aqui os principais segredos da comida asiática para preparar um lámen perfeito. Boa leitura!

Opte por técnicas totalmente artesanais para conquistar o sabor perfeito

Muitos ingredientes do caldo do lámen são feitos a partir de técnicas artesanais, proporcionando um sabor incrível para o prato. 

Portanto, na hora de comprar o melhor molho (ou prepará-lo), verifique se ele tem procedência artesanal — melhor ainda se você preparar tudo em casa, a partir do zero.

Escolha verduras e legumes orgânicos

Outro segredo da comida asiática na hora da preparação do lámen perfeito é optar sempre por verduras e legumes orgânicos.

Assim, além de investir em alimentos saudáveis — promovendo mais saúde para você e sua família — você ainda ajudará o meio ambiente.

Tenha atenção com a qualidade da água

Engana-se quem pensa que água é tudo igual. Afinal, preocupar-se com a qualidade da água também é importante na hora de produzir um caldo de excelência. 

Então, lembre-se: água potável, filtrada, limpa, cristalina e sempre livre de odores e impurezas.

Diversifique os molhos para não enjoar

Uma das principais vantagens (e segredos) do lámen no Japão é que você pode diversificar os tipos de molhos. 

Inclusive, cada região do Japão tem a sua própria versão do lámen, uma vez que é possível produzir uma grande quantidade de variedades de caldos. Assim, fica difícil enjoar, concorda?

Veja algumas dicas de molhos e acompanhamentos para o lámen:

  • tonkotsu: mistura de sal com shoyu ou missô;
  • tsukemen: tem um sabor de peixe mais aguçado;
  • vegetariano: feito somente com produtos de origem vegetal;
  • frango: mistura de bacon, vegetais e shimeji;
  • lombo: caldo feito com shoyu, saquê mirin, saquê kirin, açúcar e caldo de galinha pronto, acompanhado por lombo;
  • bacon: feito com pedaços de ossos de frango, bacon, óleo de gergelim e shimeji.

Tenha tempo para preparar o caldo com calma: uma das principais dicas da comida asiática

Você sabia que o caldo do lámen pode demorar até 20 horas para ser produzido? Afinal, a maioria deles têm como base os ossos de frango e porco (embora você possa fazer com ossos de pato e/ou outras aves). 

Apesar de ser trabalhoso, a culinária asiática tem uma origem humilde (e ajuda na hora de economizar), pois há o aproveitamento de todos os materiais. 

Por exemplo, na hora de matar um frango, antes de comprar outro, aproveita-se todo o material dele — incluindo pele, cartilagens, tendões, ossos e miúdos.

Então, a dica é: prepare o caldo de forma artesanal. Ao invés de descartar essas partes dos animais, coloque tudo na panela de pressão (sem sal) e deixe cozinhar por no mínimo duas horas. Depois, basta escumar e coar.

Para ter à disposição esses alimentos na sua geladeira é importante lembrar de guardar esses ossos que seriam descartados. Fez uma costela de porco? Congele os ossos. Sobrou pontas de cenoura, alho poró e outras verduras? Congele também. Assim, você sempre terá ótimos ingredientes para preparar o caldo.

E aí, gostou de aprender mais sobre a comida asiática e como fazer um lámen perfeito? Se sim, continue acompanhando os nossos conteúdos no blog da Hiléia!

Solicite um orçamento dos produtos da Hiléia! | Clique aqui | Hiléia